À descoberta da Biblioteca Escolar

De 25 de setembro a 4 de outubro decorreu na Biblioteca da nossa Escola, a atividade “À descoberta da Biblioteca Escolar” que contou com a presença de dez turmas do quinto ano.

Este ano sagrou-se vencedora do Bibliopaper a equipa “Aquilino Ribeiro”, do 5º C, com um tempo final de 21 minutos. Em 2º lugar ficou a equipa Álvaro Magalhães, do 5º G e em 3º lugar a equipa Alice Vieira do 5º F.

A Biblioteca Escolar felicita os vencedores e agradece a participação de todos os alunos do 5º ano de escolaridade.

Bibliopaper

Anúncios

Dia Mundial da Alimentação

Para comemorar o Dia Mundial da Alimentação, no dia 16 de outubro, o departamento de Ciências Exatas, do 2º ciclo, em parceria com a Biblioteca Escolar organizaram um concurso para eleger a melhor sopa e promoveram, quatro sessões especiais da “Hora do Conto”. A história escolhida foi “A menina que não gostava de fruta”, de Cidália Fernandes – obra que integra o Plano Nacional de Leitura – e que foi contada de modo muito expressivo pelas professoras Noélia Horta, Teresa Meneses e Fátima Trancho a 5 turmas do 1º Ciclo e duas da educação especial. Esta foi uma forma lúdica de sensibilizar os mais jovens para a importância de uma alimentação racional e equilibrada com recurso ao livro.

Em cada turma do 6º ano, os alunos organizaram um concurso para eleger a melhor receita de sopa. A sopa eleita por turma foi confecionada pelos alunos e encarregados de educação.

Nesse mesmo dia, no refeitório da escola, realizou-se o Festival de Sopas com as 7 sopas apresentadas. Os alunos do 6º ano e toda a Comunidade Escolar fizeram a prova das sopas e votaram na melhor sopa.

Da prova faziam parte as sopas: Creme de cenoura, da aluna Bianca Lima, do 6º B; Puré de abóbora, da aluna Inês Castro, do 6ºC; Sopa de cenoura, do aluno Ricardo Dinis, do 6ºD; Sopa de abóbora-menina assada, da aluna Leonor Bettencourt, do 6ºE; Creme de cenoura e laranja, da aluna Constança Oliveira, do 6ºF; Sopa de frango com legumes, do aluno Miguel Leonardo, do 6ºG e Creme de legumes, da aluna Inês Azevedo, do 6ºH.

O vencedor da melhor sopa foi o aluno do 6º D, Ricardo Dinis, com a sopa de cenoura.

Todos os alunos que apresentaram a sopa, receberam um livro de receitas, com as receitas das sopas a concurso.

O grupo disciplinar de Ciências da Natureza do 2º Ciclo expôs na biblioteca as receitas elaboradas pelos seus alunos sobre a temática. Parabéns aos alunos e aos docentes pela qualidade do trabalho apresentado.

Com este evento pretendeu-se consciencializar a Comunidade Escolar para a importância da sopa na nossa alimentação.

Livro de Receitas: https://pt.calameo.com/read/0019815670fd273ac360b

Novos livros na BE

No decorrer da feira do livro do “Outono Vivo” e devido à generosa oferta por parte da Câmara Municipal da Praia da Vitória, a nossa biblioteca pode adquirir um considerável número de livros para ambos os ciclos do ensino básico.

Aguardamos a vossa visita. Boas leituras.

Dia da Biblioteca Escolar

Aproveitando o Dia da Biblioteca Escolar e o facto de parte dos nossos alunos terem interesse na modalidade de voleibol, a Biblioteca Escolar convidou para uma entrevista, via Skype, o Coordenador da Formação de Voleibol do Sport Lisboa e Benfica e treinador de Juvenis Masculinos e Seniores B. Assim, no dia 23 de Outubro, os alunos do 8ºA, 9ºA e B, praticantes ou interessados pelo desporto, pelo voleibol e pelo Benfica entrevistaram Diogo Carneiro.

As turmas, maioritariamente representadas por alunas, praticantes de voleibol da Associação de Jovens da Fonte do Bastardo e da Associação Desportiva e Recreativa Escolar Praiense, tiveram oportunidade de conhecer mais sobre o percurso e a experiência de Diogo Carneiro, em termos académicos e profissionais.

Diogo Carneiro revelou que os sete anos de permanência no Benfica como treinador de Voleibol, e agora Coordenador de Formação, têm sido um desafio e a concretização de um projeto de equipa do qual se orgulha e de onde retira muita satisfação.

Este é um excerto da entrevista realizada:

“Quando era da nossa idade gostava de estudar?”. “Nem por isso…mas sempre tive como objetivo nunca obter níveis inferiores a três e, no último período, ser aluno de cinco a todas as disciplinas”.

“Quando decidiu ser treinador?”. “Quando era da vossa idade sugeri à minha professora de Educação Física ser treinador de minivoleibol na escola onde estudava”.

“Tem algum conselho específico para nos dar?”. “O importante é que se sintam bem na modalidade que praticam e na equipa em que estão, independentemente de estarem a jogar ou de estarem no banco, de jogar melhor ou pior”.

“Tem algum ritual antes dos jogos?”. “Gosto de levar o jogo bem preparado, analisar os jogos com os meus atletas e prepararmo-nos o melhor possível.”

-“Costuma ver os jogos de Benfica com a A. J. da Fonte do Bastardo?”. “Sim, excepto quando tenho jogos”.

“Como era a biblioteca da sua escola?”. “Fui um privilegiado, porque estudei numa escola com cerca de 100 anos, cuja biblioteca era impressionante e nos fornecia toda a informação que precisávamos, uma vez que na altura não havia internet”.

“Qual é o seu livro preferido?”. “Tenho alguns… mas o meu preferido é “O Principezinho” de Antoine de Saint-Exupèrie. Aconselho que o leiam e, passados cinco anos voltem a ler, continuem a lê-lo sempre…”

A atividade que se desenvolveu entre as 12:30-13:00h, na Biblioteca da escola, respondeu ao desafio do mês Internacional da Biblioteca Escolar “conetando comunidades e culturas em 2017” e revelou-se uma experiência muito positiva para as turmas – “Gostámos muito!”.

Além desta atividade, toda a comunidade escolar foi convidada a preencher o mural “A minha Biblioteca É…”. As turmas do 3º ciclo deixaram uma frase coletiva sobre a temática.

Vencedores do concurso de herbários

O grupo disciplinar de Ciências da Natureza, do 2º Ciclo do Ensino Básico, promoveu na biblioteca escolar a exposição dos herbários elaborados pelos alunos de 5º ano nessa disciplina.  É justo assinalar a enorme qualidade desses herbários, elaborados de uma forma muito rigorosa, meticulosa e criativa. Face à diversidade e qualidade patente na exposição de herbários, a tarefa do júri não foi fácil.

Postamos aqui a fotografia dos quatro alunos vencedores, cujos herbários refletem um cuidado e rigor na sua apresentação. Aos restantes alunos expressamos os parabéns pelos bons trabalhos apresentados.

Vitorino Nemésio na nossa biblioteca

“Nemésio por Inteiro” é um projeto da Câmara Municipal da Praia da Vitória que traz à nossa escola, durante quatro dias, o autor Vitorino Nemésio, através do corpo e expressões do ator Ricardo Martins, fazendo com que o mesmo interaja com os alunos do 6º ano, promovendo a vida e obra do escritor terceirense. Foi desta forma que a equipa da biblioteca escolar entendeu complementar a exploração da obra “Vitorino Nemésio, grande homem das letras” – escrita por Nicha Alvim e ilustrada por Madalena Matoso – juntando esta dramatização a todos os outros recursos produzidos e disponibilizados para exploração do referido livro em contexto da disciplina de Português.

Na biblioteca escolar, a personagem “Vitorino Nemésio” fala da sua vida e obra, por forma a que os alunos possam aprofundar alguns dados históricos do autor enquanto cidadão, mas também do escritor e do homem: os seus pensamentos, os seus conceitos, ideias e formas de estar. Os alunos têm participado ativamente, colocando inúmeras questões, demonstrando enorme interesse pela atividade proposta.

Um agradecimento à Câmara Municipal da Praia da Vitória e ao Ricardo Martins pela prestimosa colaboração, à equipa da biblioteca escolar e aos docentes de Português do 2º Ciclo.

Concurso “Palavras com História”

Teve lugar na biblioteca escolar, na sexta feira passada, a prova escrita relativa à 3ª edição do III Concurso Regional «Palavras com História». Participaram trinta e um alunos do 3º, 4º, 5º e 6º ano de escolaridade da EBI da Praia da Vitória. O concurso teve como tema “O mundo sem flores” e procurou estimular o prazer da escrita junto dos alunos açorianos.

Agradecemos o apoio dos docentes titulares do 1º Ciclo e do grupo de Português do 2º Ciclo.

Resta agora aguardar até ao final do ano letivo, confiantes de que uma vez mais esta escola terá um bom desempenho este ano, a exemplo das anteriores edições deste concurso.

img_20170217_103510093 img_20170217_103536107_hdr